Wilson Lima lança editais de mais de R$ 43 milhões para os programas de Regionalização da Merenda e de Mobiliário Escolar

Os Interessados poderão realizar inscrições até o dia 14 de dezembro de 2023

O governador do Amazonas, Wilson Lima, lançou, nesta terça-feira (14/11), os editais de credenciamento do Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme) e do Programa de Regionalização do Mobiliários Escolar (Promove), que somam investimentos de R$ 43,1 milhões. Os interessados podem realizar inscrições até o dia 14 de dezembro de 2023.

Em visita à Escola Estadual de Tempo Integral Marcantônio Vilaça I, na zona norte, o governador Wilson Lima destacou que ambos os editais beneficiam os alunos da rede estadual e fortalecem o setor primário, principalmente produtores rurais e moveleiros.

“São programas que eu fortaleci durante o meu governo e a gente tem, a cada ano, aumentado os valores que são disponibilizados para essas compras. Por um lado a gente fomenta o produtor local e por outro a gente garante qualidade tanto na merenda quanto no material escolar que a gente tem colocado nas escolas do Estado”, afirmou Wilson Lima.

Acompanharam o governador na agenda os deputados estaduais João Luiz e Thiago Abrahim; o secretário de Produção Rural, Daniel Borges; a diretora-presidente da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), Michele Bessa; e a secretária executiva adjunta de Educação da Capital, Rute Lima.

Ambos os editais podem ser acessados no site da ADS (ou diretamente no link https://www.ads.am.gov.br/acesso-a-informacao). Para esclarecer dúvidas sobre os editais, a ADS disponibilizou o número (92) 99281-7279 para contato por Whatsapp. A sede da ADS fica na avenida Carlos Drummond de Andrade, 1.460, bairro Japiim, zona sul, 1º andar, e o atendimento ao público é das 8h às 13h e das 14h às 17h.

Merenda Escolar

O Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme) é voltado a produtores, organizações de produtores rurais e agroindústrias e garante merenda escolar de qualidade e saudável aos alunos da rede estadual de educação na capital e interior do Amazonas.

“Eu acho que é um alimento bem nutritivo. É algo que dá sustento para o aluno, desde o café como o preparo da merenda, que é na saída. Acho que é um alimento bem gostoso e que é algo que dá sustância pra um aluno que passa o dia na escola, uma escola integral”, disse Wanna Laura, de 17 anos, aluna do terceiro ano do Ensino Médio.

Para o cumprimento deste edital, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar, disponibilizou mais de R$ 35 milhões. O programa é executado pela Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS).

O novo edital contempla o fornecimento de 32 produtos regionais para a merenda escolar. Foram inseridos neste cardápio quatro novos itens: pitaya, castanha-do-brasil, açúcar mascavo e filé de pirarucu salgado seco.

O credenciamento pode ser feito em todos os municípios, tanto no modo presencial – na sede da ADS na capital ou nas unidades locais do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam) nos municípios – quanto no formato digital, por meio do e-mail: credenciamento.preme@gmail.com.

Serão beneficiados aproximadamente 250 mil alunos de 313 escolas da rede estadual de Manaus e da Região Metropolitana. De 2019 até 2023, foram atendidos pelo Preme 1,4 milhão de alunos, com investimentos de mais de R$ 168 milhões do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar.

Mobiliário Escolar

O Programa de Regionalização do Mobiliários Escolar (Promove) tem recurso de mais de R$ 8,1 milhões e objetiva credenciar entidades jurídicas (MEI, Micro, Pequenas Empresas, Associações e Cooperativas) do setor moveleiro para fornecer móveis que sigam o padrão de mobiliário escolar do Estado.

Por meio do programa executado pela ADS, o Governo do Estado assegura a qualidade e durabilidade do mobiliário e conforto anatômico aos estudantes, fomentando, ainda, a produção de mobiliário escolar no Amazonas, a partir do uso de madeiras florestais manejadas.

De 2019 a 2023, o Promove adquiriu mais de 48,9 mil móveis, beneficiando mais de 16 mil moveleiros individuais, abrangendo 22 municípios. No total, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto disponibilizou, neste período, recursos orçamentários da ordem de R$ 37,9 milhões.

O credenciamento pode ser feito de modo presencial – na sede da ADS na capital ou nas unidades locais do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam) nos municípios – ou por e-mail (credenciamento.preme@gmail.com).

FOTOS: Alex Pazuello / Secom